“Quem é Jesus?”: pergunta que motiva missão da Igreja, diz Papa

Logo após a celebração da Santa Missa por ocasião da Solenidade da Epifania, na Basílica Vaticana, Bento XVI recitou a oração do Angelus. O encontro com os fiéis reunidos na Praça de São Pedro aconteceu a partir da janela de seu escritório no Palácio Apostólico, nesta quinta-feira, 6.

“Queridos amigos, esta é a pergunta que a Igreja deseja suscitar no coração de todos os homens: quem é Jesus? Essa é a ânsia espiritual que impele a missão da Igreja: fazer conhecer Jesus, o seu Evangelho, para que todo o homem possa descobrir em seu rosto humano o rosto de Deus, e ser iluminado pelo seu mistério de amor”, disse.

Acesse
.: Angelus de Bento XVI na Solenidade da Epifania do Senhor

O Pontífice lembrou que, num primeiro momento, a vinda do Messias permaneceu no escondimento, até que os Magos fossem adorá-Lo, guiados pela Estrela.

“Ali chegando, prostraram-se e adoraram-no, oferecendo dons simbólicos: ouro, incenso e mirra. Eis a epifania, a manifestação: a vinda e a adoração dos Magos é o primeiro sinal da singular identidade do filho de Deus, que é também filho da Virgem Maria. A partir dali, começou a propagar-se a pergunta que acompanhará toda a vida de Cristo, e que, de vários modos, atravessa os séculos: quem é esse Jesus?”, explicou.

E é a estrela de Belém o modelo proposto pelo Santo Padre para a vida dos cristãos.

“A Epifania diz-nos também de que modo a Igreja realiza essa missão: refletindo a luz de Cristo e anunciando a sua Palavra. Os cristãos são chamados a imitar o serviço que fez a estrela para os Magos. Devemos resplandecer como filhos da luz, para atrair todos à beleza do Reino de Deus”.

Por fim, Bento XVI expressou “um profundo reconhecimento por Maria, a Mãe de Jesus. Ela é a imagem perfeita da Igreja que dá ao mundo a luz de Cristo: é a Estrela da evangelização”.

Após a oração do Angelus, o Papa enviou bons votos aos irmãos das Igrejas Orientais, que celebram o Natal nesta sexta-feira, 7 de janeiro. Da mesma forma, recordou que a Jornada Missionária das Crianças, proposta pela Pontifícia Obra da Santa Infância, acontece no mesmo dia da Epifania. “É muito belo e importante que as crianças cresçam com uma mentalidade aberta ao mundo, com sentimentos de amor e de fraternidade, superando o egocentrismo e o consumismo”, sublinhou.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: